Microsoft cria tela sensível a toques para notebooks

June 24, 2007

A expressão de 2007 é ‘multi toques’. Está em todo lugar, com destaque para o Apple iPhone e para o Microsoft Surface. De repente, os usuários ficaram insatisfeitos ao tocar apenas com um dedo em dispositivos com telas sensíveis ao toque e querem usar todos os 10 dedos – ou as mãos inteiras, para gerenciar conteúdos digitais.

A idéia de ver laptops com a tecnologia de múltiplos toques soa extremamente animadora, mas obviamente, ninguém quer carregar um monitor enorme na mochila, o que faz surgir uma pergunta: como adicionar uma tecnologia desse porte numa tela com apenas poucos centímetros de espressura? Steve Hodges, do departamento de pesquisa da Microsoft, pode ter a resposta.

A solução encontrada por Hodges é simples, porém, eficiente. Com um laptop comum, ele adicionou alguns sensores infravermelhos para captar possíveis toques na tela. Com o auxílio de um software que lê dados sobre os raios, o sistema consegue emular os toques. O vídeo abaixo mostra uma demonstração da tecnologia, com todas as suas qualidades e defeitos, provenientes de qualquer tecnologia de múltiplos toques.

Como os sensores são simples e afetam a visibilidade de apenas uma parte da tela, a solução é extremamente barata – não há a necessidade de telas já sensíveis ao toque, logo, teoricamente, qualquer computador pode ter a tecnologia. Com a melhoria de alguns problemas – ninguém quer abrir buracos em seus monitores para a instalação do equipamento – a solução pode se tornar comercializável.0

Mais informações: Is Started Something

 

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: